Localizado na Patagônia Chilena, o Parque Nacional Torres Del Paine é um dos mais importantes parques do Chile, recebendo mais de 150 mil visitas por ano. É um destino perfeito para quem gosta de ficar perto da natureza. O trajeto traz lindas paisagens formadas pelos glaciares, vales, lagos com águas cristalinas, animais que vivem em florestas andinas e picos incríveis.


Foto de Freddy Duclerc

A temperatura média no verão é de 15ºC, sendo a época que mais atrai visitantes ao parque. Nessa estação do ano, a paisagem das montanhas Del Paine tornam-se espetaculares com as cores e o encanto da fauna e da flora. Os animais mais comuns no local são o huemul (cervo que habita os Andes), guanaco, raposa, chilla e o culpeo. Além disso, podem ser vistas aves emblemáticas como o Condor, a Águia Mora e o Carpinteiro Negro. Para conhecer toda a área e explorar tudo que ela tem a oferecer ao seu redor, é recomendado encarar um dos dois circuitos mais famosos de trekking da região.


Foto de Freddy Duclerc

O Circuito “W”, que possui este nome devido ao traçado que ele apresenta no mapa, tem início no Vale do Ascencio e é finalizado no Lago Grey. Este tem nível moderado e duração de, aproximadamente, 4 dias. Já o Circuito “O” – também conhecido como Circuito Paine – exige de 7 a 10 dias de trilha para completar os seus 122k, a caminhada mais extensa de toda Patagônia Chilena. O percurso passa pelas florestas ao norte, refúgios Dickinson, Los Perros e o Paso John Gardner, o ponto mais alto do circuito (1.241m). O segredo é caminhar de acordo com a sua capacidade física e aproveitar todos os momentos ao máximo!

Escrito por admin