Destinos Notícias

Após meses fechados por conta da pandemia do COVID19, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) tem anunciado a liberação das visitas em Unidades de Conservação por todo o país. Desde outubro de 2020 o órgão, que é responsável pela maior parte das áreas de conservação onde estão os principais Parques Nacionais, vem liberando o turismo com algumas restrições, como forma de movimentar a economia local e permitir à população mais opções de lazer, turismo e esporte em ambiente outdoor.

De acordo com o site do ICMBio todas as unidades reabertas estão operando com capacidade reduzidas e precisam seguir uma série de restrições e medidas de saúde e segurança. Em alguns parques as atrações estão limitadas e as áreas reservadas para banheiros, abrigos e restaurantes também permanecem fechadas. Em outros locais essas estruturas estão funcionando mas também com restrições e marcações para promover o distanciamento social.

Travessia Serra Fina, localizada no Parque Nacional de Itatiaia. | Foto: Gabriel Tarso

A recomendação é de que os visitantes contatem as unidades antes da visita para que efetuem a reserva com antecedência, já garantindo os ingressos e evitando filas ou congestionamentos na chegada aos parques, além de minimizar o contato com funcionários em áreas de balcão e atendimentos. É muito importante que neste contato prévio também sejam confirmadas todas as atrações que estão funcionando dentro dos parques para evitar surpresas e frustrações durante a visita.

Até o momento, mais de cem Unidades de Conservação já foram reabertas à visitação. Entre elas estão alguns dos parques mais famosos do Brasil, como o Parque Nacional da Chapada Diamantina, Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Itatiaia, Serra da Canastra, Parque Nacional do Iguaçu, Serra da Capivara, entre outros.

Clique aqui e acesse a lista completa atualizada diariamente pelo ICMBio.

SAIBA MAIS:

–> SERRA DA MANTIQUEIRA: UM PARAÍSO PERTINHO DAS METRÓPOLES

–> SAIBA COMO ARRUMAR A SUA MOCHILA PARA UMA TRILHA OU TRAVESSIA


Escrito por

Thaís Teisen

Jornalista, formada pela FIAM-FAAM, com especialização em Mídias Digitais pela Universidade Metodista de São Paulo. É apaixonada por esportes, natureza, música e faz parte do time The North Face de Conteúdo Digital.