Destinos Inspiração

Em 2012 Bariloche foi declarada capital nacional do turismo de aventura! Nós temos entendido o porquê: Bariloche está localizada no Parque Nacional Nahuel Huapi, junto à Cordilheira dos Andes, e não faltam belezas naturais e atividades de aventura para fazer por aqui!

Desde o nosso último post aqui no blog da The North Face tivemos a oportunidade de conhecer lugares incríveis. Fizemos trilhas para conhecer um pouco mais da natureza da Patagônia e conhecemos a cidade de uma forma diferente, sem turistas, o que é bastante incomum por aqui. Queríamos compartilhar os lugares que conhecemos e as programações de aventura que mais gostamos de fazer em Bariloche:

Trilha para conhecer o Refúgio Frey

Esse foi um dos lugares mais lindos que conhecemos até agora. Foram pouco mais de 22km de trilha (ida e volta) em um dia lindo de sol e muita neve para chegar até o Refúgio Frey, um abrigo a 1.700m de altura, localizado no Cerro Catedral. O refúgio fica às margens da lagoa Toncek, que estava congelada e coberta de neve quando fomos. O nome do refúgio é em homenagem ao engenheiro Emilio Frey, que desde 1895 esteve vinculado à região andina como integrante da comissão de limites presidida por Perito Moreno.

Refúgio Frey / Cerro Llao Llao / Saltillo de Las Nalcas | Fotos: @getoutsidebr

Sendero Arayanes, Lago Moreno e Cerro Llao Llao

A trilha fica no Parque Municipal Llao Llao e é uma das paradas do Circuito Chico. A trilha não é difícil de fazer e o caminho pelo bosque é muito bonito. Além disso, a vista no topo do Cerro Llao Llao é uma das mais lindas de Bariloche.

Ventisquero Negro

Também foi um dos lugares mais bonitos que conhecemos até agora. Localizado no Parque Nacional Nahuel Huapi, o Ventisquero Negro é um glaciar que se diferencia dos demais pela sua cor escura, devido ao acúmulo de sedimentos que se desprendem das paredes do vulcão junto com o glaciar. Para nós o mais incrível foi o contraste do lago esverdeado com o glaciar como cenário de fundo.

Ventisquero Negro | Foto: @getoutsidebr

Saltillo de Las Nalcas

No caminho para conhecer o Ventisquero Negro vimos que tinha uma trilha aberta no Parque Nacional Nahuel Huapi para conhecer Saltillo de Las Nalcas, uma cachoeira cujas águas caem sem tocar as rochas. Com pouco mais de 40 metros de altura, Saltillo de Las Nalcas faz parte do rio Manso. Nalca, que dá nome à cachoeira, é uma espécie de planta considerada “Planta Madre” pelos Mapuches (povo indígena originário da Argentina e do Chile), sendo usada como alimento e planta medicinal.

Circuito Chico de bicicleta

Esse foi um dos programas mais legais que fizemos em Bariloche até agora. O Circuito Chico é um trajeto de aproximadamente 60km, às margens do lago Nahuel Huapi. Todos recomendaram que fizéssemos esse passeio e não é a toa: as paisagens são incríveis e permitem conhecer Bariloche um pouco melhor. Aproveitamos para conhecer o circuito de uma forma diferente, de bicicleta! Fizemos 40km e é difícil dizer o que gostamos mais, todos os pontos panorâmicos e trilhas são incríveis. No final fizemos uma pausa na cervejaria Patagonia no KM 24.7 e, além da cerveja ter um sabor especial, por ser daqui, a vista e o lugar são incríveis.

Caiaque no Lago Gutierrez

No nosso dia de descanso da programação aproveitamos para trocar os esquis pelo caiaque! A temperatura aqui na Patagônia está começando a subir e acabamos tirando o caiaque do porta malas para dar uma volta no Lago Gutierrez, um lago de origem glaciar que tem aproximadamente 9km de extensão.

Lago Gutierrez | Foto: @getoutsidebr

Trilha para conhecer a Piedra de Habsburgo

Uma trilha curta (aproximadamente 6km ida e volta) a partir do cume do Cerro Otto para conhecer a Piedra de Habsburgo, onde é possível ter uma vista linda do Lago Gutierrez, do Cerro Catedral e do sul da cidade de Bariloche.

Passamos por lugares muito lindos na nossa viagem de motorhome, mas de fato achamos que Bariloche é uma cidade que merece o reconhecimento pelo turismo de aventura. Além de ter uma estação de esqui incrível e muita neve no inverno, a quantidade de trilhas, atividades e lugares lindos para conhecer é surpreendente e olha que a nossa aventura por aqui está só começando!


Escrito por

Ale e Duda - Get Outside

Duda e Ale são um casal de advogados apaixonados por viajar. No início de 2020 resolveram tirar um tempo das carreiras e ir até o Alasca em uma van. Para eles, se aventurar é sair da zona de conforto e viver experiências que levem a ver o mundo de outra forma.